Buscar
  • marinasartori

Como usar bolsas artesanais?

Atualizado: 21 de Mai de 2019

Roupas e bolsas artesanais nunca receberam tanta atenção. A valorização desse tipo de produção caminha junto com o consumo consciente. Há inúmeras formas de pensar a ato de consumir e, uma das esferas, gira em torno da procura por materiais produzidos com mão de obra local, ética e produzidas com materiais sustentáveis.

As bolsas de vime, de palha, de corda ou crochê seguem este olhar para a moda de forma mais atenta.



As bolsas artesanais são artesanais mesmo?


Lembre-se de que não é porque a bolsa aparente ser de palha que trata-se de uma produção artesanal. Isso é algo bem importante. É preciso saber que marca está por trás de cada produto e se perguntar o quão transparente esta marca é.


Produção em escalas menores - as slow fashion - normalmente conseguem controlar melhor toda a sua cadeia de produção.



As bolsas artesanais vem aparecendo com bastante frequência em produções do dia a dia. Elas incrementam o conjunto e tornam-se o destaque. Para o verão, cria uma atmosfera mais descontraída.




Porém, é possível utilizá-las nos dias mais frios e nas produções menos praianas. A dica é escolher bolsas artesanais com um toque de sofisticação.

O vime e o crochê aparecem como ótimas alternativas para sair da zona de conforto e valorizar produções locais.


Dica na hora de escolher a sua bolsa artesanal:


Que material é utilizado?


Quem produz as peças?


Onde são produzidas? São do Brasil?


Há algum cuidado com o meio ambiente na produção das peças?


Se você está em dúvida, pergunte. Procure informações e, caso não encontre, entre em contato com a marca. Esse tipo de iniciativa evidencia atitudes positivas de uma empresa e também alerta para a existência cada vez maior de consumidores exigentes.






0 visualização

Mapa do site >

Formas de pagamento:

 

À vista por boleto

Parcelamento em até 12x

À vista cartão de crédito

© 2018 por Donatelo Eco

CNPJ: 30.074.610/0001-09

0